ENTRAR
registo | recuperar palavra-passe
x
Por favor preencha o seu email
Por favor preencha a sua password
Password e/ou email inválidos
Entrar com GOOGLE
0
PERGUNTA / PARTILHA
170
INFORMAÇÃO
1462
EVENTO
30
VALÊNCIA
1421
SERVIÇO
4960
PRODUTO
19
CONSULTOR
88
5 exercícios de equilíbrio fáceis para idosos que usam andarilho
Os exercícios de equilíbrio para idosos evitam quedas.

O exercício mantêm os idosos o mais forte e independente possível, melhorando a força e o equilíbrio.

Existem exercícios de equilíbrio simples, seguros e eficazes para realizar em casa, e para idosos que usam andarilho.

Quando realizados regularmente, esses exercícios, melhoram significativamente a força, aumentam o equilíbrio e a estabilidade e reduzem o risco de queda.


INFORMAÇÃO
P.S. Atividades

Porque os idosos que usam um andarilho precisam de exercícios de equilíbrio?
Os idosos que usam um andarilho estão a receber ajuda para se equilibrar, mas isso não significa
que não estejam vulneráveis a quedas.

Existe histórico de quedas em idosos que fazem uso do andarilho! Isto acontece porque os idosos não foram devidamente treinados para usar o seu auxílio de mobilidade, mas também porque eles já correm, por si só, um risco maior de quedas (e é por isso que precisam de um auxílio à mobilidade em primeiro lugar).

Daí ser é tão importante que os idosos se exercitem, regularmente, para melhorar o equilíbrio e a estabilidade. E, usando um andarilho devidamente seguro como auxílio, os idosos recebem o apoio necessário para permanecerem seguros durante o exercício.

Segurança primeiro! Evitar quedas durante o exercício
A última coisa que alguém quer é que a pessoa caia ou se magoe enquanto se exercita.

Para suporte e segurança, mantenha-se próximo e esteja pronto para apoiar a pessoa idosa - seja extremamente cauteloso nas primeiras vezes em que tentarem realizar esses exercícios.

Tenha uma cadeira resistente por perto e faça com que se sentem e façam pausas quando se sentirem cansados. Eles devem estar conscientes que não devem fazer nenhum exercício que cause dor.

Se a pessoa idosa for especialmente frágil ou trêmula, use um cinto de marcha para maior segurança.

Incentive-os a continuar a fazer os exercícios consigo ao lado deles - eles ganharão força ao longo do tempo.

Um guia passo a passo para realizar 5 exercícios de equilíbrio em casa
Em todos os exercícios, a pessoa idosa deve ficar com o seu andarilho, devidamente firme nas mãos.

No caso de andarilhos com rodas, para que não deslizem, posicione-os contra uma parede, sofá ou barreira similarmente forte, para impedir que se movam durante os exercícios.

Além disso, coloque uma cadeira resistente e antiderrapante diretamente atrás da pessoa idosa, caso ela se canse ou perca o equilíbrio e subitamente precise de se sentar, ter o apoio necessário.

  • Exercício 1
Marchar no local, levantando os joelhos o mais alto possível. Repetir 10x em cada perna.,

  • Exercício 2
Levantar uma perna para o lado, com a mesma esticada, usando um movimento lento e controlado. Fazer 10 elevações em cada perna, e um lado de cada vez.

  • Exercício 3
Levantar uma perna para trás, com a mesma esticada (como se fosse dar um pontapé numa bola). Fazer 10 elevações em cada perna, e uma perna de cada vez.

Atenção à cadeira que suporte, que neste exercício pode ter que ser mudada de sítio.

  • Exercício 4
Ficar em pé com os pés afastados na largura dos ombros. Lentamente, fazer um pequeno agachamento, tendo cuidado para não ficar muito baixo, principalmente no começo. Fazer 10 agachamentos.

À medida que a força do corpo diminui com o tempo e esse exercício fica mais fácil, aumentar lentamente a profundidade do agachamento.

  • Exercício 5
Em pé, levantar os calcanhares para ficar sobre a ponta dos pés. Depois, baixar os calcanhares para retornar os pés a uma posição "plana".

Em seguida, fazer o inverso – ficar sobre os calcanhares e levantar a parte da frente dos pés.

Repetir 10 vezes cada.

A prática é mais importante que a perfeição!
Mesmo que a pessoa idosa não consiga fazer os exercícios perfeitamente ou não consiga realizar todas as 10 repetições, continue incentivando a fazer o melhor possível e a se exercitar regularmente.

À medida que o idoso ganha força e equilíbrio ao longo do tempo, ele pode fazer mais e melhor.



|Fonte: Dailycaring.com|
partilhar facebook twitter linkedin pinterest

Autor / responsável técnico / fornecedor
Prime Senior Editor
Categorias
Andarilho | Ajudas Técnicas | Bem-estar | Dependência | Mobilidade reduzida | Problemas | Cuidados | Cuidadores | Grau de dependência | Envelhecimento | Gerontologia | Idosos
Para comentar deve efetuar login ou registar-se.