ENTRAR
registo | recuperar palavra-passe
x
Por favor preencha o seu email
Por favor preencha a sua password
Password e/ou email inválidos
Entrar com GOOGLE
0
PERGUNTA / PARTILHA
169
INFORMAÇÃO
1113
EVENTO
29
VALÊNCIA
1420
SERVIÇO
4960
PRODUTO
19
CONSULTOR
88
Exercício físico ajuda a prevenir a osteoporose em idosos
Vital em todas as idades para ossos saudáveis, o exercício é importante para tratar e prevenir a osteoporose. Não só melhora a saúde óssea, como também aumenta a força muscular, coordenação e equilíbrio, e leva a uma melhor saúde em geral.


INFORMAÇÃO
P.S. Fisioterapia/ Exercicios

Porquê exercitar?
Tanto o músculo, como o osso são um tecido vivo que responde ao exercício tornando-se mais forte. Mulheres jovens e homens que se exercitam regularmente, geralmente, atingem um pico maior de massa óssea (densidade óssea e força máximas) do que aqueles que não o fazem. Para a maioria das pessoas, a massa óssea atinge o seu pico durante a terceira década de vida. Depois desse tempo, pode-se começar a perder osso.

Mulheres e homens com mais de 20 anos podem contribuir para a prevenção de perda óssea com um plano de exercício físico regular O exercício permite manter a força muscular, a coordenação e o equilíbrio, o que, por sua vez, ajuda a prevenir quedas e fraturas. Isto é especialmente importante para pessoas que foram diagnosticadas com osteoporose.

Dicas de Exercício
Se a pessoa idosa tem problemas de saúde - como problemas cardíacos, pressão alta, diabetes ou obesidade, consulte o médico antes de iniciar um programa regular de exercícios.

O objetivo ideal é de pelo menos 30 minutos de atividade física na maioria dos dias, preferencialmente diariamente.

Ouça o seu corpo. Ao iniciar uma rotina de exercícios, a pessoa pode ter alguma dor muscular e desconforto, mas isso não deve ser doloroso ou durar mais de 48 horas. Em caso afirmativo, pode estar a trabalhar muito e precisa de abrandar o ritmo. Pare de se exercitar se tiver alguma dor ou desconforto no peito e consulte o médico antes da próxima sessão de exercícios.

Se a pessoa tem osteoporose, pergunte ao médico quais são atividades físicas mais seguras. Normalmente, se a pessoa tiver baixa massa óssea, os especialistas recomendam que se proteja a coluna, evitando exercícios ou atividades que a flexionem, dobrem ou torçam.

Um programa completo de osteoporose
Lembre-se que o exercício é apenas uma parte de um programa de prevenção ou tratamento da osteoporose. Como uma dieta rica em cálcio e vitamina D, o exercício ajuda a fortalecer os ossos em qualquer idade. Mas o exercício e a dieta adequados podem não ser suficientes para impedir a perda óssea causada por condições médicas, menopausa ou escolhas de estilo de vida, como o uso do tabaco e o consumo excessivo de álcool. É importante falar com o médico sobre a sua saúde óssea, para juntos, definirem o plano que melhor vá ao encontro das necessidades detetadas.



|Fonte: Agingcare.com|
partilhar facebook twitter linkedin pinterest

Autor / responsável técnico / fornecedor
Prime Senior Editor
Categorias
Bem-estar | Avaliação geriátrica | Sedentarismo | Artrite | Osteoporose | Problemas | Cuidado a idosos | Cuidados | Cuidadores | Envelhecimento | Gerontologia | Idosos
Para comentar deve efetuar login ou registar-se.